Você vai sorrir, julgar ser uma porcaria, c mas vai se lembrar deste aqui.

A dupla Sandy&Junior voltou (não vamos perder o foco, importante aqui é a propaganda) e a agência DPZ&T criou este simples post para as redes sociais. Simprão! Nada de inteligência artificial, arraste e compre, realidade aumentada, etc (quando você estiver lendo isso daqui uns anos, muitos outros plus já estarão sendo modinha) e muitos acharam o trocadilho idiota (eu gosto de trocadilhos), peça simplória, entre outras coisas. Mas vem cá, me diga. Funcionou? Putz, e como! Viralizou demais, um post. 01 Trocadilho sem 3d, sem tecnologia, sem aquela porrada de peças na campanha com storytelling a lá Tarantino. Apenas: foto produto, título e marca.
E só.
Só isso por hoje.
PS: não consuma besteiras, preserve estômago e ouvidos.

Anúncios

Fiasco Design reúne jovens músicos deficientes para criar Identidade Visual da NOYO (ational Open Youth Orchestra) no Reino Unido.

Lançado em setembro de 2018 como uma plataforma para jovens músicos deficientes no Reino Unido, a NOYO é uma orquestra de aprendizado para jovens de 11 a 25 anos com deficiências físicas,  que tocam um instrumento ou têm uma “paixão pela música”, bem como jovens músicos sem deficiência.

Gerar acessibilidade e refletir a natureza colaborativa da NOYO foram fundamentais para definir as estratégias de design do sistema visual, composto por formas simples e uma paleta colorida e brilhante (uma das tendências do design para 2019), especialmente projetada para gerar forte contraste e potencializar a comunicação para deficientes visuais.

Foram realizadas oficinas com alguns músicos da orquestra, supervisionados pela equipe do estúdio, no qual os alunos montaram uma variedade de desenhos com colagens de papéis coloridos,  no qual é possível ver os múltiplos círculos, pontos, linhas, anéis e ziguezagues.  Os trabalhos foram fotografados, vetorizados e  deram origem a um rico sistema, com ícones cambiantes, especialmente aplicados junto logotipo National Open Youth Orchestra, na tipografia FS Sans-serif typeface, de fácil legibilidade, criado pela estúdio Fontsmith. Pingos maiores que os normais nas letras “i” e “j”por exemplo, são uma das características inclusivas da fonte.

“Sem mais barreiras, apenas boa música”, é o slogan adotado pela maca e foi usado em todo o branding, implementada em uma variedade de pontos de contato, desde site até cartazes.  Sensacional!!

Vímos no Designweek, veja mais aqui

 

 

30 anos do WWW

Google Doodle homenageia neste dia 12/03/2019 os 30 anos da criação do protocolo WWW (World Wide Web) criado pelo físico britânico Tim Berners-Lee.
Tim criou regras e parâmetros que “organizaram” a internet. Ela já existia, mas a necessidade de cientistas compartilharem informação e CONHECIMENTO de modo automatizado e contínuo, motivou Berners-Lee a criar uma série de regras e conveitos básicos como a linguagem html, http e a primeira URL surgia no natal de 1990.
Nascia internet como muitos nascidos entre 70 e 90 conheceram, já os mais novos, o uso de dispositivos móveis e seus “aplicativos” criaram um domínio e, este atalho do ícone do app, direto aos conteúdos, dispensaram o a necessidade de ir aos navegadores (Google, Safari, Firefox…) e ter que digitar o WWW.algumacoisa…

Domínio Público
Em 1993 no CERN  laboratório da Organização Europeia de Pesquisas Nucleares (CERN), na Suíça, estabeleceu que a internet deveria ser de domínio público e os servidores saltaram de 500 para 10.000 naquela ano.

Mas para chegar ao que temos hoje, mais de 300 cabos submarinos (885.000 kms) são usados para trafegar. O mais longo deles liga Alemanha à Coreia do Norte e Austrália e tem mais de 38.000 km. O primeiro cabo transcontinental foi instalado em 1958, da Irlanda até Terra Nova e Labrador, no Canadá. E de vez em quando alguns quebram…

 

 

 

Mapa criado pelo Google dos centros de dados do mundo todo

Hoje, grandes da internet como Spotify, Instagram e Netflix nasceram como apps e usam uma lógica bem diferente das páginas tradicionais.
Apesar de popular e livre, em praticamente metade do globo terrestre não tem acesso à internet, ou seja, a cada dois habitantes, 1 não conhece a internet. Tenso não. Mais calma, este número está crescendo rapidamente, numa velocidade jamais vista e, cada vez mais, o conhecimento está ligando as pessoas pelo mundo todo.

E você, como tem usado esta maravilha?

 

fonte:

https://fbnewsroomus.files.wordpress.com/2016/02/state-of-connectivity-2015-2016-02-21-final.pdf

https://hypescience.com/rede-mundial-de-computadores/

https://www1.folha.uol.com.br/tec/2019/03/protocolo-que-deu-a-cara-da-internetworld-wide-web-chega-aos-30-anos.shtml

Redesign Syscob.

post_syscob_020215__a1200px

A Brambilla Propaganda e Branding foi contratada para projetar o redesign da identidade visual da Syscob. Localizada em São Paulo, presta serviços de cobranças em todo território nacional, atendendo clientes de grande porte do segmento educacional, redes varejistas e imobiliário (grandes construtoras e incorporadoras).

A parceria entre agência e cliente é de longa data, desde 2010. Desde o início fomos preparando o cliente para este momento, quando tocávamos no assunto não tínhamos o interesse de forçar a mudança, mas plantar uma semente que fizesse com que o cliente se decidisse pelo projeto, o que acabou acontecendo no final de novembro de 2014. Na primeira semana de janeiro de 2015 entregamos a nova identidade visual da Syscob.

post_syscob_020215__b1

A nova marca traduz melhor o porte da empresa e seus reais valores. O símbolo ganhou LEVEZA E AGILIDADE, as cores simbolizam os principais objetivos da Syscob “transformar as dividas em faturamento”, ou seja, pintar de azul os números em vermelho do fluxo de caixa de seus clientes. Assim, nasceu a paleta de cores da Syscob, azul e vermelho, que, além de uma interpretação conceitual simples e fundamental, deixou a marca com mais VITALIDADE.

Este mesmo conceito orientou um segundo conceito na construção do símbolo, que representa a letra “S”, mas faz uma clara menção ao objetivo da empresa, que é cobrar dos devedores e devolver à empresas, com as curvas de fora para dentro, do vermelho ao azul, representando este movimento.
post_syscob_020215__b.

post_syscob_020215__d

A tipografia Futura cumpre seu papel de legibilidade e solidez. Ficamos em dúvida sobre a cor do tipo, iniciamos com o cinza, mas o azul ampliou ainda mais a presença visual da marca, que agora leva a assinatura “gestão inteligente de cobranças” devido sua grande expertise e uso dos mais modernos softwares e soluções de recursos humanos.

Cliente e Agência ficaram bastante felizes com o resultado, principalmente após os primeiros contados da marca com seus clientes e stakeholders, que responderam de forma muito positiva e otimista após a mudança da marca.

Agora estamos planejando toda estratégia de branding da marca, seu tom de comunicação, seus territórios e personalidade, mas ai contaremos em outro capítulo.

E a sua marca, como se apresenta, como se posiciona, que história ela tem para contar aos seus clientes? Gostaria de saber mais sobre branding, redesign e posicionamento da sua marca, ligue pra gente e agende uma visita, 14 3413.4159 ou escreva para contato@brambilla.vc. Até mais!



Criação da abertura de Game of Thrones

Sö faltou inserir a Casa Brambilla…. hehehheh

Via Portal Making OF

Criada pelo estúdio Elastic e com direção de Angus Wall, a abertura de Game of Thrones levou 2 anos para ficar pronta e contou com a ajuda de 25 profissionais envolvidos no projeto. A abertura da série chegou a faturar o prêmio de melhor abertura no Creative Arts Emmy Awards em 2011. De acordo com os criadores, a maior inspiração para a abertura de Game of Thrones foi Leonardo da Vinci.

A ideia era mostrar os principais locais de Westeros em uma grande engrenagem. No plano original, um corvo iria voar de Porto Real até Winterfell, mas a ideia foi adaptada para exibir mapas, que ajudariam o telespectador a se localizar dentro do universo da série.

Recentemente, o estúdio Elastic liberou algumas imagens do projeto:

Abaixo, o resultado.

Miar ou rugir? Brambilla veicula anúncio para divulgar seu novo posicionamento e cultura de branding.

facebook_03_anuncio_meia_pagina_29,7x27cm_200314

 

Miar ou rugir?

Este foi o conceito que abordamos em nosso último anúncio promocional, para evidenciar um pouco de nosso trabalho e a nossa filosofia de branding: DESPERTE, CONSTRUA, DIALOGUE.

leia o texto:

Leões não conquistam leoas e territórios apenas por causa do seu rugido.
Além de reconhecer o momento certo, para caçar ou poupar energias, conquistar o respeito e a lealdade são vitais.
Boa propaganda é a mesma coisa, não basta anunciar e criar ofertas, é preciso coerência, criatividade e inteligência.
E a nossa estratégia para vencer nesta selva é: despertar, construir e dialogar.
Quem conhece nosso trabalho sabe do que estamos falando e, se sua empresa ainda não nos conhece,
pode chegar, pois os nossos, a gente só defende.
Miar ou rugir, a escolha é sua.

1509921_683497498355668_1757838210_n 1907731_683497418355676_372559897_o